Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto
Click to this video!

CADELA IMPLORANDO

Senhor estava em sua mesa,sentado,trabalhando,todo concentrado . Cheguei de quatro,nua, de coleira,toda manhosa e safada . Senhor sentiu a minha presença,mas fingiu que não viu,me ignorando totalmente . Fiquei lhe olhando,com aquela carinha de piedade,pedindo a sua atenção apenas com o olhar . Estava ali,de quatro,pertinho de ti,esperando,implorando apenas um olhar e nada .



A sua presença,o seu desprezo,me causava um tormento e ao mesmo tempo uma excitação incrível .



Já estava toda molhada,quente...ansiosa,agitada... os minutos passavam e cada vez ficava mais excitada,nervosa,apavorada, submissa .



Senhor sentiu a minha respiração ofegante,soltou um sorriso me olhando...nossa !...fiquei desesperadamente excitada com seu olhar debochado,firme e ao mesmo tempo,sereno,dominador...



Estava toda boba,feliz,inquieta,excitada,nervosa,envergonhada,agitada e safada!..



Uma mistura louca ...Senhor sorriu,desviando o olhar novamente e espichando os pés... (debochado)...rs !.



Na hora olhei e com aquela carinha de cadelinha manhosa,submissa,obediente e servil,já fui implorando para lhe servir de mesinha,apoio para seus pés .



Mas seu olhar estava totalmente para o computador,não viu meu olhar e estava bem concentrado . Fiquei atormentada,excitada demais....o nervosismo já estava me deixando impaciente,inevitável,comecei a tremer...então,resolvi fazer barulho,baixinho,bem baixinho...gemidinho de cadelinha..rss..Senhor ouviu,adorou....estava amando tudo,mas estava disposto a judiar mais e colocar em prova a submissão de seu bichinho . Fingiu,ignorou....não demonstrou nenhuma reação, até o deboche havia sumido . Sua atitude estava me excitando e ao mesmo tempo me deixando impaciente demais . Não teve jeito,já estava totalmente confusa . Então,resolvi gemer mais alto,necessitava a sua atenção e não estava disposta a desistir . Senhor gostava e sabia muito bem me causar aflição . Continuou me ignorando,não manifestou nada,nem um sorriso,nem um suspiro,nem um olhar,nem uma mudança na respiração,nada! . Ah....inevitável..o desespero começou a bater em minha porta...corpo estava tremendo,estava literalmente molhada,encharcada,quente,louca de tesão e de raiva... atormentada,confusa....fiz gracinha,gemi mais alto...nada...absolutamente nada....comecei a pensar em várias coisas...mas estava confusa demais...excitada....não sabia o que fazer,como fazer...respirei fundo e mandei o desespero embora....não podia e não iria perder o controle .. (falso controle,pq nesse momento já estava sem nenhum)..rss..Senhor estava amando aquele desespero todo causado por ti... e estava disposto a torturar muito mais....queria ver até que ponto aguentaria o desprezo,a pressão... Então,depois de muitas tentativas,resolvi falar baixinho,morrendo de medo de lhe incomodar,mas ao mesmo tempo com a consciência pesada por não estar lhe servindo de mesinha....precisava ser útil...estava me sentindo mal,por estar ali sem fazer nada ... com o corpo tremendo,respiração ofegante,pausas na voz,disse baixinho :



- Donoo.... ( aquele jeito manhoso e submisso de pedir atenção.)..



Hum...mas ainda estava pouco.. (maldade )...Senhor nem se mexeu,fingindo não ouvir nada . Estava realmente testando meu limite,minha submissão,meu controle,minha dedicação,minha paciência .



Respirei fundo,com a boca seca,coração disparado,respiração ofegante,corpo tremendo,lhe chamei novamente,baixinho,implorando o seu olhar,a sua atenção :



- Donooo...



Senhor não manifestou nenhuma reação...ai sim,fiquei extremamente nervosa e impaciente..naquela altura,já estava confusa demais....não sabia distinguir o que era maior : o tesão,o tormento,o nervosismo, a raiva, a aflição,a angústia . Senhor percebeu a falta de controle,estava muito excitado com tudo que estava provocando em seu bichinho . Respirei fundo,tentando controlar o máximo aquela aflição....mas a essa altura já tinha me entregado...a respiração estava ofegante demais,o desespero já havia entrado,claro,as lágrimas foram inevitáveis no momento..tentei controlar...que pânico !...implorei novamente,chamei baixinho :



- Donooooooo....



Senhor sorriu,amou....me olhou,com aquele olhar debochado,com aquela voz tranquila, disse :



-Sim,meu bichinho,diga !.



Ah !...naquele momento não sabia o que era "pior",a sua atenção ou o seu desprezo....rs...pq estava excitada demais.....nervosa....tremendo muito,não sabia por onde começar,como falar...estava quase atropelando tudo,quando lhe olhei...aquele olhar,nossa...!..me acalmava e desesperava ao mesmo tempo...que loucura !...respirei fundo...estava com um olhar aflito,desesperado...Senhor sorriu,me olhando de um jeito debochado...me testando....então,disse :



- Por favor,Dono..( a essa altura quase chorando )...



Senhor fez sinal pra respirar fundo e dizer calmamente,sem desespero e pressa..( fácil,não?..rs..debochado mesmo )....



Não podia desesperar,mas já estava desesperada...rss...nesse momento já estava confusa demais...então,num impulso,falei:



- Dono,por favor,permita-me servi-lo de mesinha !



Bonitinho...Senhor adorou,mas ainda sentiu um fio de "controle"...ah....queria provocar mais desespero..agora estava na hora de ver mesmo até onde seu bichinho era capaz de ir..



E com deboche,respondeu :



- Hum,não...acho que vc não está com tanta vontade,melhor ficar quietinha,descansando...



Poxa,que deboche heim....que descansando.....necessitava servi-lo...precisava daquilo....



Nessa altura já estava absolutamente confusa,sem controle,nervosa e excitada demais....respondi:



- Dono,por favor.. (ajoelhada)..imploro,dê permissão a esse bichinho idiota,que sá serve pra te agradar....permita-me servi-lo de mesinha,imploro....



Que aflição,que desespero,que tormento,que maldade !.



Senhor já estava desviando o olhar novamente,quando...



Desespero tomou conta,me cegando,me deixando totalmente nervosa e transtornada,disse :



-Dono,por favor,dê permissão a esse pobre bichinho,que está disposto a lhe agradar,imploro...já estava quase beijando o chão....totalmente sem rumo....chorei...implorei....no chão...pertinho de seus pés,mas sem permissão para tocá-los....chorei muito....implorei,entre choro e soluço.....Senhor resolveu atender o pedido de seu bichinho,com deboche,disse:



-Certo...venha...mas não quero ouvir um choro,um gemido,uma respiração,será que consegue inútil?...nossa !....maldade mesmo...já fui enxugando as lágrimas,respirando fundo,tentando controlar o nervosismo,a excitação...que mistura louca...precisava controlar tudo....tentando controlar,fui pra posição rapidamente ...



Senhor delirou de tesão,quando apoiou seus pés em seu bichinho,sentindo seu corpo tremendo,sua respiração ofegante,seu desespero,sua vontade absurda de tentar controlar,o que a essa altura já estava totalmente,absolutamente sem controle....rs !..mas gostou,sentiu a vontade,a submissão de seu bichinho naquele momento....encolhida,tentando não mexer...( rss.)....totalmente excitada,nervosa,transtornada..



Senhor riu e continuou de onde havia parado,totalmente concentrado no trabalho... ( não sei como conseguia....)..vai ver é por esse e outros motivos que é Dono..rss..tem o controle nas mãos.... ( ai ai ai )...







VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos gay com menininhos infanciana davela os homens nao tem frescura conto eroticocomi minha prima contos eroticosgostosa fas enema profundominha novinha tarada contorelatos transei na chantagemcoloquei o dedo no cu da minha namorada ela endoidoconto teens de pau duro no calcao de futebol para a primaminha cunha deixou eu pega mos peito delae o marido viajando no meu tio meu tio meditando contos eróticos transei com eleTitia tira o cabaso do subrinho conto picanteContos eroticos cofrinho esconde escondevagabundinhas no seu primeiro poeno anal delatacao analQuero treinar o vinha perdendo a virgindade da bucetinhacontos eroticos comi.o cuzinho do pirralhocontos eroticos traindo marido na Sala ao ladosera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videocontos eróticos, esposa na praia de nudismo , bronzeadortio bem dotado f****** a b******** da sobrinha no quarto dela com forçacontos eroticos surubascontos chupei meu professor pra passar de anocomendo 5 casadas na festa de confraternizacai casa dos contosconto de medica lesbicacontos eroticos flagrei minha mae fudendo com travesticontoseroticos.site/buscar-conto?busca=Comendo+o+cuzinho+virgem+da+sogra+novinho bundudo me chupou gostoso_ contoscontos erotico esposa ezibeo caminhoneiro me fudeu a força contos eroticosWww.videos sexo selvagem com palmadas chineladas na buceta e na bundaContos eróticos e rosebate papo gay em Santarém Pará"contos eroticos" duas cunhadasPORNO GOSANDO RU QUADconto erotico na orgia com sogrocontos aniversario sogra gostosacontos porno casada abusada no assalto no acampamentof****** irmã mora nos peitos das gostosascontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos o garotinho e os caralhudosanal com negao contosContos de insestos com irmavídeo de gorda lavando o rabo ensaboadofiz sexo pra passar de semestre contosxexo porno menino dado umaio namenina infiando odedo nabucetinha delaconto erotico de netacontos eróticos eu provocava meu primo novinhodeitei com minha tia de sainhawww.contos enrrabando menina de rua novinhacontos eroticos tio da escolacontos eroticos para sua rola ta arrebentando meu cucontos papai meu irmaozinho que vira mulher como o cusinho dele vaifotos cim zoom so de cacetes duros melado de porraminha filha me seduziuvi minha irmazinha de caucinha nu rabo ve contos eroticosConto erótico filhinha querendo o pintão do papaiconto erotico eu e minha sobrinha amanda safadinha em casaconto porno comi minha maevideo porno chegou no quarto e comeu a teia com os olhos vendadamulheres aronbada decalcinha sujaContos eroticos currada no onibus de fio dentalpai comendo a filha no terraço conto eróticosConto tava tudo escuro ele me agarrou por tras e me encoxouconto erotico titio comendo meu cuzinhocontos erotico dormindogostosa fas enema profundocontoscomsograsfudendo a sobrinha rapidiho no quintalai amor que delicia isso vai gostosa mete vai contoscontos eróticos minha sobrinha de babydollcache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteComtos casadas fodidas pelos amigos do filhocontos de coroa com novinhoporno aniverssrio do sobrinho a tia fudet com elecontos comi minha filha gostosa na casa delacontos torei a vizinha de treze aninhos e pagueicontos eroticos.os velhos meterao gostoso em mimtransei com uma garotinha de 11aninhosporno gay pai apostou cu para o vizinhocontos de i****** aprendemos a fazer sexo em casacontos eroticos de lesbicas espiando os pais transando e fazem o mescontos eroticos q bocA e essa desse baianomulher e homem dançando bem agarradinho e funk sensualcontos de coroas carentes traindo seus maridos com jovensContos eroticos vendidapuchou o chortinho e sento na rolacontos eroticos e tome gozada na caraaec porno videos bhquando me masturbei saiu bastante gosma da minha buceta será que gozei?