Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto
Click to this video!

TRANSEI PELA PRIMEIRA VEZ COM UM TRAVESTI

Durante um tempo em que eu fiquei desempregado, arrumei uns bicos com um amigo meu fazendo manutenção em micros, instalando periféricos, formatando, instalando softwares, essas coisas. Num dia desses eu fui atender a um chamado domiciliar. A mulher que ligou se chamava Amanda e solicitou uma visita. Como meu amigo não estava, lá fui eu atender o chamado. Ela me passou mais ou menos as coordenadas do que havia acontecido e eu peguei alguns CD´s e ferramentas e fui. Era um sobrado muito bonito, muros altos cobertos por trepadeiras, grama na frente. O portão era todo fechado e não deixava ver lá dentro. Toquei o interfone e esperei.

“ – Quem é?”, uma voz feminina atendeu.

“ – É o técnico. Vim ver o computador.”

“ – Sá um momentinho.”

O portão abriu e eu entrei. Na porta da sala apareceu uma loira de quase dois metros de altura. Parecia uma modelo. Cabelos compridos até um pouco abaixo dos ombros, olhos verdes, bunda arrebitada, seios fartos. Realmente muito bonita. Ela estava usando um vestido de peça única que vinha até o meio das coxas, sem mangas e com um decote que deixa eu ver aqueles lindos seios.

“ – Pode vir por aqui.”

Entrei na casa e ela me levou até o andar de cima. O computador ficava numa sala grande com vários livros. Um tipo de biblioteca. Sentei na mesa e comecei o trabalho. Em quinze minutos já havia resolvido o problema. Sabe como é, o problema estava na peça que senta em frente ao monitor.

“ – Já acabei.”

“ – Nossa. Tão rápido assim. Achei que fosse demorar.”

“ – O problema era bem simples.”

“ – Além de bonito você também é rápido é?”

Com uma pergunta dessas, mesmo que tenha saído sem querer, eu tinha que soltar uma boa.

“ – Sou rápido sá quando é necessário. Geralmente prefiro ir mais devagar para poder curtir um pouco.”

“ – É mesmo?”

Ela se aproximou de mim e começou a passar a mão no meu peito.

“ – Que ferramenta você usa quando precisa ir mais devagar?”

“ – Esta aqui.”

Peguei a mão esquerda dela e pus sobre a minha calça. Ela abriu meu zíper e tirou meu cacete pra fora.

“ – Como ela é grande. Deixa eu testar pra ver se funciona.”

A Amanda se abaixou e começou a me chupar bem gostoso. Ela já tava me deixando louco. Depois de alguns minutos ela se levantou e fomos até uma outra sala onde tinha um sofá. Eu sentei e ela tirou minha calça e continuou a me chupar.

“ – Deixa eu ver essa gostosura que você tem aí debaixo deste vestido.”

Ela se levantou e virou de costas. Foi tirando o vestido me deixando admirar seu rabo. Ele se aproximou e começou a se esfregar no meu cacete. Puxei ela pra cima de mim e comecei a esfregar os seus seios. Quando coloquei minha mão dentro da calcinha tive uma surpresa. Ela era um travesti!

Cara bem que eu tinha desconfiado da voz. Mas também não tinha como desconfiar e agora que tinha começado iria até o fim.

“ – Gostou da surpresa?”

“ – Me surpreendi sim. Nunca tinha transado com um travesti antes.”

“ – Então aproveita bem.”

Ela se levantou, tirou a calcinha e voltou a me chupar.

“ – Já chupou um antes?”, ela perguntou.

“ – Não.”

“ – Experimenta o meu então.”

Ela se levantou e aproximou seu cacete de mim. Nunca tinha feito isso antes mas, como estava acostumado a ser chupado, sabia como deveria ser chupado. Coloquei o cacete da boneca na boca e chupei-o bem gostoso.

“ – Nossa. Como você chupa gostoso. Deixa eu te chupar também.”

Deitamos de lado no sofá e ficamos um chupando o outro. Depois de um tempo ela se levantou e eu sentei novamente no sofá. Ela veio de costas e eu enterrei meu cacete no rabo dela.

“ – AI, que gostoso. Mete em mim, vai.”

Meti gostoso nela. Mudamos de posição e ela ficou de quatro. Fodi ela por uma hora e depois gozei tudo na boca e nos seios dela.

“ – Não precisa pagar pelo serviço. Já está bem paga. Quando precisar novamente, pode me chamar.”

“ – Acho que esse computador vai começar a dar pau toda semana.”

Essa foi a primeira vez transei com um travesti. O micro da Amanda deu pau outras vezes e numa delas conheci uma outra boneca amiga dela, a Paloma, morena clara, uma delícia.



Caso alguma boneca bem feminina de campinas queira se corresponder comigo, meu e-mail é: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


cu cona mijo enfiouconto eroticos vendo a foder minha irma no papai betinhapai viu a filha pelada não aguento e comeu o cu e a boceta dela loucamente sem parar contos eróticos com as imagens da cena dos doiscontos eroticos mulheres dando cu pra macacoscontos encoxando viado busaocontos erótico de estupro de empregadascontos erótico me rasgaram mo acampamentoContos eróticos reais de Angolacontos erotocoa de alufando esposaporno +doidocontos eroticos com homens velhoscontos torei a vizinha de treze aninhos e pagueizoofilia cachorro montando com forçacontos eroticos minha pequenaconto erotico raquel morena deliciosameu irmao comeu o cu do meu amigo negrinho contos eroticosCArnaval Antigo com muinto trAveco fazendo surubacontos eroticos de meninos gay o dia q dei o cuzinho pela primeira vez e virei menina da molecadaconto erótico f****** gostoso a b******** da minha filhinha n******contos de incesto comendo a irma separadaputinha desde novinha contos eroticosRola gostosa adoro mamar contoseroticosrola na madrinha/contorelatos contossexo menininhas 9 aninhoscontos de corno perdi minha namorada virgemesposa e amante volarao a filha drama pornocontos eroticos mulher casada se evalgus dono de escravos estrupavão escravasContos erotico.esposa fodeu o maridoconto erotico seduzindo meu vovocontos mulher casada da o cu pro cãoContos erpticos menininha de ruaconto evangelica.cabacinhoDesvirginando a irmazinhaContos sou alegria dos coroascontos eroticos pintinhoContos zoofilia d mulheres q ficaram grudadas com cachorros do nó grandeporno mãe e filha jantando na mesa e depois a sogra vai tranza com o gerroconto erótico gay taxista manauscontos eroticos casei com um velhocontos chupei um pauContos gay fui mulher de um coroacontos de putaria em familiacontoserotico tia evangelicaContos eroticos poderoso negaocontos eroticos querendo uma rapidinhaviadinhovirgem escolheu um negao da rola bem grossa para sua primeira vez e se deu malconto - bundinha durinha , cuzinhoapertadoesposa exibicionista praia contosContos eroticos selvagenscontos eróticos gay sendo putinha do meu primo bruno parte 2contos eroticos as amigas da minha filhaeu e minha amiga na pousada- conto eróticoconto erotico meninos mi comeraoMinha mãe pois silicone contosrelatos eroticos tornado femeacomtos arrobadalavar xoxotinha contoContos eróticos engravidei na primeira trepadaContos eróticos exclusivamente entre mãe e filhocontos eróticos gay sendo putinha na minha casaContos eroticos de filhas adolecentes e papai com rola grossacomendo cunhada asm que minha mulher saicorno feminizado conto eroticocontos eroticos minha sogra de calcinha rendacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteporno meu primo e um jegue minha mulher adoroucontos eróticos comi o bundao da sogracontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemarido leva esposa na cabine erotica contoscontos de sexo fraguei minha enteada de dose anos dormindo nuacontos eroticos minha mulher subjugada. e curradaconto erotico comeu e surrouconto erotico submissa gozei choreiContos eroticos ana paula dindinho comeu meu cuzinhoporn contos eroticos enteada gangbangconto comi uma eguaConto erotico no sitio casa de dois comodoscontos o cara do onibusconto erotico na orgia com sogrovídeos pornô de avô sentando a netinha de sainha curtinha no colocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crente