Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto
Click to this video!

GABI, A TRANSEX DE PROGRAMA DELICIOSA

Olá, apás alguns meses sem escrever, estou de volta para contar mais um de minhas esperiências com travestis. Depois do minha primeira transa com uma transex, passei a me interessar por essas deusas e num certo dia, estava indo para casa quando passei por uma avenida de minha cidade e percebí que alí era um ponto das meninas, não perdi tempo e fiz a volta com o carro e passei lentamente para apreciar as meninas ...

Quando já estava quase terminando, notei uma loirinha, corpinho sarado, seios grandes, e bumbum bem arrebitadinho que com o short que usava lhe deixava ainda mais empinado.

Parei o carro e puxei assunto, logo ela me disse seu nome Gabi. Perguntei o preço do programa e ela me disse o valor, fechado, fomos para um Drive logo a frente.

Ao entrar no drive ela me pediu o dinheiro adiantado e paguei imediatamente, ela já foi tirando sua roupa ficando peladinha e mostrando seu enorme cacete, isso mesmo, confesso que era maior que o meu.

Percebi que ela já ia pra cima de mim com aquele cacetão quando eu disse pra ela que seria somente ativo, que estava alí para comer ela como homem ativo. Notei que ela ficou surpresa e abriu um sorisso dizendo "Nossa que bom, até que enfim ..."

Perguntei a ela o porque do comentário e ela me disse que 99% dos clientes dela era passivo e que eu era uma exceção.

Deixando a conversa pra lá, ela não se fez de timida e abocanhou meu caralho chupando maravilhosamente bem, confesso que ela chupa melhor que muita mulher com quem já saí ...

Ela começou lambendo a cabeçona quente e vermelha descendo até o saco que também o abocanou com maestria.

Logo ela se pos de quatro e pediu para que a lhe penetrasse pois meu cacete era gostoso demais ...

Não perdi tempo e apontei meu cacete naquela bunda maravilhosa com uma discreta marquinha de biquini e forcei a entrada naquele cuzinho gostoso. Nossa ! que delicia ... o cuzinho dela abrigou meu cacete e parecia que ia arrancar ele, passei a foder aquela gata de pênis cada vez mais forte ...

Nessa altura ela estava gemendo como uma égua no cio o que chamou a atenção de uma provável amiga que estava em outro box pois ouvi uma voz dizendo "Gabis, menina tão te estrupando aí menina !!!??"

Ela nem perdeu tempo em responder, rebolava como uma louca e pedia para que eu gozasse em seu rabo, não demorou muito e senti que o leitinho quente estava para jorrar, grudei em suas costas e falei baixinho em seu ouvido :

- Você quer sentir o leitinho de um macho de verdade ?

Ela implorou para que eu gozasse e logo comecei a jorrar meu leite quente ... Gozei muito enchendo a camisinha e dando pequenas estocadas naquele cuzinho delicioso até jorrar a ultima gota do meu sêmen e me deixar com as pernas bambas.

Depois disso, tirei meu cacete, tirei a camisinha, dei um ná e joguei no lixo. Nos limpamos e a deixei em seu ponto novamente. Ainda pude ganhar um beijo de lingua daquela deusa mas tive que prometer que voltaria e voltei !!!

Mas essa histária eu conto depois para vocês.



Se você é Transex e quer se comunicar comigo, vou adorar te conhecer, meu e-mail é [email protected]



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Giovana transando de joelhosincesto meu sobrinho contos eroticocontos eroticos seios grandes de leitecontos família liberalcontos eróticos maputocontos eroticos incesto com filho adotivoconto erotico 30 cmcontos eroticos meninos padrinhovideo porno de sogra chama o genro para sua casa par dar par elecontos eroticos separou pra levar picanao contar para ninguem da familia. Quando eu achei que o papo ia terminar ali, ela me fez a pergunta que levou a tudo: perguntou porque eu tinha tanta coisa sobre lésbicas incestuosas no pc? Quando ela me perguntou isso, confesso que pensei em desconversar, mas aí pensei também que ela não faria essa pergunta à toa. Aí comecei a falar que aquilo me excitava muito, que gostava de ler sobre aquilo. Sem brincadeira, acho que a gente deve ter ficado uns 10 segundos em silencio ali na cama, depois que eu falei isso. Uma olhando para a outra. Aí, ainda bem, ela tomou a iniciativa, colocou a mão na minha perna e perguntou: Você pensa em mim?  conto erotico ponhei o pau do meu marido na buceta da minha amiga e ela pois o pau do marido dela na minha bucetameu namo puchou meus cabelos e deu vários beijos em mim o que significa isso?Minha empregada tem uma buceta inchada contos de lésbicas femininocomendo a mulher do amigo contobuceta chupar elaeleirma chantagem contos eroticoscontos eroticos arrombando a gordaempinoi o cu e levou rrolascontos durante a balada com meu irmaofui pintar a casa da minha cunhada com ela e minha esposa e o marido dela cantos eroticoscontos eróticos brincadeira do leiteContos gay fazendo a barbaViva local crosdresserescontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentemeu dog fudeu minha mulher e cunhada contosesposa de corno contos gosta na carapone encaxa tudo na morenaver homes peludos nijadosler contos de gay sendo estrupadocantos erótico comendo a mãe e a irmã juntocontos eróticos a enfermeira velhacontos eroticos fudendo as filhinhas da minha namoradasou puta do meu genroporno historias e contos eróticos irmao e irman amor e sexoConto meu marido me devorou na madrugadacontos duas gostosas dando o cu para um cara pausudocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteno onibus de excursao sem calcinhameu sogro comeu minha mulher contoscontos grávida do meu genrocontos ,minha noiva nao deu mas chupou ate gozarmenina de menor fazendo filme pornô com minha Duduconto porno peoes no ciocontos de uma safada minha rosquinha começou a. se abrir e sentir aquela jeba no meu intestinoDOU CU DESDE Novinha Gay Padrastocontos eróticos com idosacontos eróticos me obedece putinhaconto gay virei viadinhoLóira safada narra conto metendo na coberturaquero assistir você para minha mulher rapadinha pau entrandopegando hetero casado conto gayconto erotico arrombei o travesti do baile funkcontos eroticos gays gabriel o gatinho da outra salatiraram a roupa da esposa contocomo e que aimha vagina abre na hora do sexo?putinhas de quinze anos xexo uricuiacontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentetive que dar contos eróticosabri vede. sexoavivo. ......... . gstosasocontos completos quentes esfregando so pra judiar pedindo mascalcinha incesto contoscontos erotic quarto empregadacontos eroticos surubascontos de coroa com novinhocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crentecontos eroticos um menino ou um homemanita mijando no copogorda sentada no sofa e cachorra lambendocontos eroticos professoradeu o boyzinho da minha sala contos eróticosmulheres de vitória es que praticam zôofiliacontos eroticos- paguei minha filha pra cheirar sua calcinhavoyeur de esposa conto erotico