Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto
Click to this video!

A MINHA 1ª VEZ

Olá, sempre leio os contos e sá agora resolvi escrever, bem vou me apresentar 1ª, sou carioca, mulato, 33 anos, 1,85 alt., 95Kg e peludo, vou contar para vocês como me descobri bi,bom sou casado e adoro fazer sexo com mulheres.

Bem vou contar a vocês o que aconteceu comigo a uns 3 anos atráz, onde trabalho tem um shopping perto, vou lá todos os dias para almoçar, e sempre a mesma coisa, almoço e depois vou ao banheiro escovar os dentes, mas de verdade nunca tinha prestado a atenção no que rolava no banheiro, até que um dia fui eu ao banheiro, escovei os dentes e fui mijar, fui ao mictário e comecei a mijar e derrepente vejo que tem um cara olhando para o meu pau, fico puto da vida, quase paro o mijo no meio, mas estava muito apertado e decido acabar de mijar, e o cara não parava de olhar para minha pica, ainda puto passo a nem olhar mas para os lados, mas uma coisa estranha começou a acontecer, meu pau começa a ficar meia bomba, fico puto da vida comigo mesmo, porra como é que pode meu pau ficar duro para outro homem, acabo de mijar e saio do banheiro meio transtornado, sem entender nada,bom voltei ao trabalho e aquilo que aconteceu não saia da minha cabeça,17 horas, vou para casa e faço sexo a noite toda com minha mulher, mas pela manhã do dia seguinte acordo pensando no que tinha acontecido no dia anterior, fiquei a manhã toda pensando nisso e resolvi ver se eu era de verdade homem ou não, nunca tinha me imaginado fazendo sexo ou qualquer outra putaria com homens, bom resolvi ir ao shopping na hora do almoço sá para resolver isso, bom a mesma coisa fui almoçar 1ª, mas não consegui nem tocar na comida e fui direto ao banheiro, quando lá chego, começo a mijar e vejo que tem varios caras uns olhando para o pau do outro, saio dali e vou para uma cabine e vejo que tem varias cabines com caras dentro de porta aberta, entro na cabine finjo que estou mijando tbm com a cabine aberto,vejo que uma cara que estava mijando do meu lado, entra na cabine em frente a minha e tbm deixa a porta aberta,olho de canto e vejo esse cara esta olhando para minha cabine,finjo que ñ estou nem ai,mas meu pau estava estourando de tão duro,derrepente o cara da cabine em frente chega na minha cabine e me pede papel higiênico,meio sem graça me viro de lado para ela pegar o papel,o cara quando vê minha pica de 19 cm, ñ tira o olho dela e vai com a mão em direção e ela,quando ele pega meu pau na msm hora começa a babar, o cara pega meu pau cheira e coloca na boca e começa um boquete daqueles,o cara entra ma minha cabine e pede para eu fechar a porta,o cara senta no vaso sanitário e continua o boquete,ñ aguento de tanto tesão e depois de uns 5 minutos aviso que vou gozar,o cara ñ parava de me chupar e me fala para eu dar leite para ele,começo a gozar na boca dele,o cara fica quietinho e quando eu acabado de gozar ele cospe a minha porra fora,limpa a boca e sai da cabine, mas meu pau ñ fica mole e continuo ali na cabine,quando chega um cara e fica me encarando,fico meio sem jeito,mas o cara me chama para a cabine dele,resolvo ir, o cara senta no vaso sanitário e lá se vai mas um boquete,ele da uma meia levantada e fala no meu ouvido que eu sou muito gostoso e que quer muito sentir minha pica no cú dele,falo que ñ posso pos estava sem camisinha(é foda homem casado levar camisinha na carteira),o cara me tira uma camisinha do bolso e começa a colocar no meu pau,o cara começa a me chupar com a camisinha,depois o cara fica de 4 no vaso e passa cuspe no cú,e claro que eu ajudei ele e fui passado meu cuspe no cuzinho dele,que cú,começo a colocar 1,2,3 dedos no cu dele e o cara gemendo baixinho,e fala para eu fuder ele,começo a colocar bem devagar para ele acostumar,assim que entrou a metade comecei a bombar forte o cu do cara,bombava como nunca,e o cara adorando e gemendo,até que depois de uns 20 minutos bombando aquele cú falo para ele que quero gozar,ele pede para eu tirar meu pau do cú dele,ele se senta denovo no vaso e ele tira minha camisinha e começa a me chupar,eu aviso que vou gozar e o cara fica sá passando a lingua na cabeça do meu pau,começo a gozar e o cara me chupando e me olhando,acabo de gozar o cara tira meu pau da boca e engole a minha porra toda, olha bem para mim e passa a lingua nos lábios,saio da cabine e volto para o trabalho,pensando na maravilha que tinha acontecido comigo,depois disso descobri que sou homem sim,sou um homem que ama fuder com mulheres e com com homens.

Bom galera vota ai,que assim que der conto outras maravilhas que aconteceu comigo,e se quizer entre em contato,([email protected]),sou ATIVO e nãi liberal.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos papai tezaoSiririca contosPorno conto evangelicacontos eroticos entre avo e neta gratisfudendo o cú da mae de renan conto eroticocontos eroticos fudendo a amiga da minha mae crenteEU TIRANDO FOTO MINHA BUNDA DI CALCINHA FETICHE OLHONDO ESELHO MINH BUNDAcorno safada do Pará corto eróticoscontos cunhadajakelini meu sogro tem pauzaocontos eroticos cachorras no ciocontos meu pai me seduziufilmei minha irmã depois chantagiei contosasfantazias das mulher de pornocontos eróticos infância gay com gari heteroconto eróticos comi rabo mãe doamigocontos eroticos porno de pirralhas inocentesmeu patrao me comeu na base da chantagemFomos a um churrasco bebemos muito e aí rolou contos eroticoscontos eroticos meu pai me seguiu ate o baile funkconto erotico arrombei o travesti do baile funkcontos eroticos crente traindo o marido com o DogContos erótics so de gang bang e so com homems pauzudosesposa depilando no banho contosfiz bacanal com minha filha e o filho do caseiro contosconto mamando minhas tetas e me abusandoContos eróticos teens troca trocaincesto contos suruba com minhas irmascontos eroticos bv e virgindadeConto esposa de tampa sexocontos sexo cunhadasconto real casada gravida na surubapornô grátis cunhada de calcinha fio-dental para vocalcontos.de.velha.crente.taradaboquete no filho contoscontos a pica do pacientevoyeur de esposa conto eroticocontos de patroacontos e vidios de patroes sendo fodidos por empregadas tranxessualCONTO INCESTO NA MADRUGADA COM A SENHORAconto familia da esposa nudistacontos eroticos apostei meu marido e pedirflagrei minha mulher rapariga.contos eroticosliliane sabe quero seu cucontos eróticos priminha caçulacontos eróticos deu pro meu filhocontos sexo minha madrinha esposaconto erotico sentei no colo com o carro lotadosogra pegou eu no fraga batendo polheta e depois trazamos"meu marido" "virei puta" contopio. novia. desmaia. de. fudecontos ex namoradacontos meu pai me seduziucomendo i gozano deto da negá no salão de carnaval 2017contos eroticos com fotos de mulheres casadas que foi violentada por bem dotadoscontos gays com gémeoscontos eroticos de choronasCU arrombado ABERTO madrasta contoolhando a irma fuder com o cunhado,contos e relatos eroticospornô irado a mulher que tem a minha branca e tem aquela bundona fome morte elaContos erotico fudendo dentro docontos de zoofilia sobre eguas e jumentasContos eróticos traindo na praia de nudismofodas de esposas q gostam de ser curradaschupando igual pirulito - contos eroticoscomi minha prima contos eroticoscontos cuzinho inchado gozouvideo porno gay de homem que botou camisinha para comer seu parceiro apos gozar ele tira a camisinha e da para o amigo chupar seu paucontos eroticos traindo marido na viajandoaprendi dar o cu com meu genro contoscontos eroticos dinheirobranca gordinha casada estrupada por maniaco no cucontoerotico guria patricinha com menino pobrecontos gay praiaContos eroticos minha namorada me fez de corno no estacionamentosou bunduda e trair o corno contosfotos derabudas na academia roupa brancacontos eroticos botei um macho pra desvirginar minha filha maecontos eróticos de incesto mãe que deu o cu para o filhocontos eróticos gay pai e filho no banheiroxotas que acabou de ser disvirginadacontos eroticos gay problemas mentaishetero batendo punheta conto gay